01 fevereiro 2010

Como montar uma pesquisa fajuta

O instituto Vox Populi publicou o resultado de uma pesquisa encomendada pela Bandeirantes, em que a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Roussef, apresenta um crescimento de 9 pontos percentuais. Um crescimento tão grande em um perído tão curto é, sem dúvida, fantástico! A questão é COMO o intituto chegou a esse resultado? Eu sou um eleitor cri-cri e não costumo comprar o resultado das pesquisas eleitorais sem antes dar uma boa olhada no metodo utilizado pelo instituto. Sendo assim, fui conferir o critério de amostragem do instituto Vox Populi e compreendi porque a Bandeirantes relutou tanto em divulgar o resultado da pesquisa.

Trata-se de uma amostra realizada em 122 municípios escolhidos a dedo, dentro de redutos eleitorais do presidente Lula. Para vocês terem uma ideia, dos 122 municípios que compõem a amostra da Vox Populi, apenas 27 têm prefeituras oposicionistas, do PSDB, DEM ou PPS. E a falcatrua não para por aí! Em 45 municípios, ou 37% do total, além das prefeituras serem governistas, não houve um só candidato da oposição nas eleições passadas. Como se não bastasse, aAs cidades escolhidas pelo Vox Populi que têm prefeitos da oposição, tiveram elições acírradas ou são inexpressivas. Enfim... A pesquisa é uma vergonha estatística.

Observem, por exemplo, a amostra do Rio de Janeiro, onde a Vox Populi conseguiu que Dilma Rousseff ultrapassasse José Serra.
As cidades escolhidas foram Campos (PMDB), Nilópolis (PP, sem oposição em 2008), Niterói (PDT), Nova Iguaçú (PT, sem oposição nas eleições de 2008), Paraíba do Sul (PMDB), Rio de Janeiro (PMDB), São João do Meriti (PR, sem oposição em 2008) e, finalmente, um município oposicionista: Resende, onde o DEM venceu uma eleição dificílima, com placar embolado. Com uma pesquisa como essa, não chega a ser surpreendende que a candidata petista esteja crescendo.

No Rio Grande do Sul, dos oito municípios pesquisados, apenas um é governado pelo PSDB e em três deles não houve candidato a prefeito fora da base do governo. Seria necessário fazer um cruzamento, agora, com as obras do PAC e com aquele programa de Lula, denominado Territórios da Cidadania para saber com precisão quantos pontos a Dilma tem entre os eleitores gaúchos.

Em São Paulo, outro exemplo de manipulação grosseira, a amostra tem cinco municípios, totalizando 573 mil eleitores, que são dirigidos por tucanos. Já o número de eleitores em três municípios petistas da amostra é de 1 milhão e 400 mil eleitores, incluindo Guarulhos e São Bernardo do Campo.

Em Santa Catarina
, montaram uma amostra de cinco municípios, sendo que apenas um é governado pelos tucanos. Em três municípios não houve oposição aos partidos da base de Lula em 2008. E o mais escandaloso: trocaram a capital Florianópolis por São José, do PSB, onde a filha do Lula é secretária de Ação Social e está entupindo a cidade de verbas federais.

E o que dizer da Bahia? O estado governado pelo petista Jaques Wagner, teve 13 cidades entrevistadas. Em 9 delas o PT não enfrentou oposição da eleição de 2008. Sabem quantos municípios governados pelo DEM aparecem na amostra que o Vox Populi fez na Bahia? Nenhum! Isso na terra do ACM! O mais engraçado é que o instituto teve a cara de pau de escolher um município, cujo nome é Boa Nova, e o prefeito atende pela alcunha de "Toinho da Dilma". Nada mais simbólico para emoldurar essa pesquisa.

E o Ceará, de Ciro Gomes? Naquele estado, o PSDB fez 30% das prefeituras. Sabe quantas cidades tucanas estão na amostra da Vox Populi? Zero! Das 5 cidades, 2 são do PT, 2 são do PSB e 1 é do PC do B. Melhor do que isso, só patinha de caranguejo.

Em Minas Gerias o instituto Vox Populi chutou o balde. São 13 municípios na amostra, sendo que apenas dois são do DEM. Sabem quantos eleitores os municípios governados pelo DEM de Antônio Dias e Antonio Prado de Minas, tem? Menos de 10 mil! Sabem quantos municípios não tiveram concorrência do PSDB, DEM e PPS, em 2008? Cinco! E sabe quantos municípios governados pelo PSDB, do governador Aécio Neves, estão na amostra mineira? Nenhum! Aliás, tem um: Juiz de Fora, com 370 mil eleitores, onde o PSDB elegeu o prefeito com 51% dos votos contra 48% do candidato do PT. Uma eleição pra lá de acirrada, não acham?

Enfim... É desse jeito que Dilma Rousseff vem encostando em José Serra!

Um comentário:

tuta disse...

Analisar a concorrência também é importante: quando Ciro Gomes está fora da disputa, o desempenho do tucano é bem melhor.